sábado, 19 de junho de 2010

Filosofia barata, esvaziada, quase inútil pero paliativa

Hi, Johnnyzinho. Essencial que você esteja aqui, passion.
Take me in your arms, please. Colinho.

 Aê, pessoas, tem duas coisas sobre você ser apaixonada por um ser intangível. A primeira é ruim: tudo o que é bom sobre ele não te diz respeito. Mas a segunda é boa: tudo o que é ruim sobre ele não te diz respeito. Think about it.

6 comentários:

  1. Puxa San, pq vc não aparece e dá uma canja pra nós? Regularmente leio seus posts e fico cada vez mais curioso sobre vc,mas não tem nenhuma pista. Maldade hein? Tem marmanjo que quer te conhecer. Um abraço, volto logo.
    Juarez

    ResponderExcluir
  2. Aê, Juara
    Fique gelo. Não valho muito a pena conhecer, confie em mim.
    Mas valeu a força. Estou meio caidaça hoje, até que foi bom, thanx.
    Abraço, volte então, vamos ver.

    ResponderExcluir
  3. JohnnyDeppManiaka20 de junho de 2010 18:35

    Lindu, tesaum, bunito e gostosaum!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Hmmm, take it easy, Maniaka.
    Ninguém tasca, eu vi primeiro.
    Pelo menos o Johnnyzinho
    (já que às vezes não adianta ver primeiro).

    ResponderExcluir
  5. Por falar em filosofia barata, olha essa pérola do "Planeta Diário" (lembra dele?) nos tempos do jornal semanal politicamente incorretíssimo:
    "Ninguém, mas ninguéeeeemmmmm, tem filosofia mais barata do que o Khalil Gibran Khalil!"

    ResponderExcluir
  6. Ricky,
    claro que lembro do Planeta, o tablóide de onde vieram os Cassetas, egressos do Pasquim.
    You mean Gibran Khalil Gibran? Esse eu conheço. Mas não muito. O outro não.

    ResponderExcluir

O que você acha?